Pesquisar este blog

sexta-feira, 24 de junho de 2011

A Cômoda de Luciane ... Postagem: Faça Vc Mesmo!

Este caso é veridíco: " A cômoda de Luciane".
Uma moça necessita ter sua própria cÔmoda para seus guardados de enxoval... diriam nos anos 70..80
. Precisos !!!...seus pais como nos velhos  tempos buscaram adquirir a peça tão preciosa, naquele tempo em que moças ainda tinha recatos.
Luciane ganhou a cômoda de seu pai aos 15 anos ... ali ao longos dos anos foi somando seus sonhos.
Cada colcha bordada...um toalhinha de crochê feita por ela mesma, ía sendo tecida e colocada sob aquele local...
Cada vez que ela punha algo sob ali...deportava-se a ela a  imagem de uma família sendo contruída, o marido que chegaria para ama-la eternamente, os filhos que seriam laços deste amor.
E talvez até passaria para sua filha, a relíquia dada por seu pai.
Aos domingos ía passear na casa de sua mãe, levar os netos para que a abençoa-se...para que brincassem e se divertissem.
Ela cuidaria da sua casa,..trabalharia e estudaria...enfim.
Mas o final desta historia não foi possível termína-la, porque Luciane foi recolhida ainda muito cedo pelo Bondoso Pai Celestial.
 Foi levada ainda muito moça, com apenas  19 anos, após 4 anos de ter recebido  o presente do pai "sua cômoda."
Mas a cômoda ficou!
E de tanto vê-la sendo colocada em um canto ou outro por cada mudança que a familia ía fazendo, nesta última fui tocada a mexer na então " cômoda de Luciane"....
Haja visto, luto feito!
´ Hora de colocar em espaço aberto a unica coisa mais presente dela. ( fechar uma Gestalt)
E abrir e rever os seus sonhos....falar sobre isto, ainda que de forma arteterapêutica.
E abrir e rever nossos próprios sonhos,...pois para quem ficou ainda isto é possível..colocar sonhos dentro de uma cômoda, acomodar idéias ,perceber fatos...ainda temos o tempo que Luciane não teve.
Eu contruí cada detalhe....lixei..moldei..pintei....enfeitei., colori....
Mas mais que tudo isto, eu revivi a cômoda..os sonhos...a vida..e a morte...a saudade...o coração apertado...abaixei a bandeira para se falar de perdas..vivencia-la, já que isto tem sido um tabu ao longo dos anos.
massss.....foi como poder voltar ao tempo e carinhar aquele rosto tão querido e meigo, eu me dei a oportunidade de fechar gestalts...de ver o pequeno rosto emoldurado de delicadeza...pude ouvir a voz...e sentir o abraço, que há 20...o tempo me tomou.



Hoje Luciane teria 40 anos.
Hoje eu tenho 38 anos.
Luciane nao viu a minha vida...eu não vi a dela...
Mas reecontrarei na eternidade junto do Pai na hora precisa.
Cacau.







Luciane Cristina Dias.  14/08/70 - 02/12/90

7 comentários:

  1. Nossa, Cacau, que história linda e triste ao mesmo tempo...é triste ver tantos sonhos não concretizados, mas é lindo ver o carinho e o amor que vc tem nessa história e na pessoa da Luciane !
    A cômoda ficou maravilhosa ! Um tesouro! Parabéns !
    vc colou tecido ( nas flores ) ou é ´papel?
    Um beijo grande e um ótimo fim de semana , querida! Fica com Deus!
    Helena
    http://www.diaadiacorridinho.com.br

    ResponderExcluir
  2. Cacau querida, que post emocionante.
    Muito bonito tudo que você escreveu, assim como o regate desta cômoda, que ficou belíssima.
    Adorei seu trabalho!!!
    Você é especial.
    Beijossssssssssssssssssss
    Vero

    ResponderExcluir
  3. nossa Claudia, vc escreve de uma forma que tioca a alma da gente!bjos Luci

    ResponderExcluir
  4. Cludia a cômoda ficou linda!! Linda linda!!!
    Quem era Luciene?
    BJs!!!!!
    té mais

    Laís

    ResponderExcluir
  5. Estou passando para te convidar para o sorteio em meu Blog

    http://euseivoucontar.blogspot.com/2011/07/sorteio-de-aniversario.html

    Conto com sua participação!
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Oi Cacau
    Estou emocionadíssima. Coisa mais linda o que vc escreveu. Tão sincero, tão delicado, tão íntimo.
    Que Deus a abençoe.
    A cômoda ficou linda, fruto do amor.
    Beijinhos carinhosos

    ResponderExcluir
  7. Amiga vc é uma pessoa iluminada,pq escreve td com tanto amor, q Deus te preserve sempre assim,bjus

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita!